Emprego, Concurso Público e Vestibular

Você encontra o melhor material.Bem-vindo!!!

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Socorro! Sou professor de escola pública






O professor está sempre errado!
(Jô Soares)


O material escolar mais barato que existe na praça é o professor!
É jovem, não tem experiência;
É velho, está superado!
Não tem automóvel, é um pobre coitado;
Tem automóvel, chora de "barriga cheia'!
Fala em voz alta, vive gritando;
Fala em tom normal, ninguém escuta!
Não falta ao colégio, é um 'caxias';
Precisa faltar, é um 'turista'!
Conversa com os outros professores, está 'malhando' os alunos;
Não conversa, é um desligado!
Dá muita matéria, não tem dó do aluno;
Dá pouca matéria, não prepara os alunos!
Brinca com a turma, é metido a engraçado;
Não brinca com a turma, é um chato!
Chama a atenção, é um grosso;
Não chama a atenção, não sabe se impor!
A prova é longa, não dá tempo;
A prova é curta, tira as chances do aluno!
Escreve muito, não explica;
Explica muito, o caderno não tem nada!
Fala corretamente, ninguém entende;
Fala a 'língua' do aluno, não tem vocabulário!
Exige, é rude;
Elogia, é debochado!
O aluno é reprovado, é perseguição;
O aluno é aprovado, deu 'mole'!
É, o professor está sempre errado...
Mas se você conseguiu ler até aqui, agradeça a ele!



    Esse é apenas um pequeno desabafo! Se você é professor já deve ter se identificado com alguma das situações acima. 

    Minhas primeiras experiências foram as seguintes com alunos de oitava série: Aluna estourando saquinho de pipoca dentro da sala, aluno pondo o pé em cima da carteira, um sentando no chão, um puxando o outro pelo braço. Até conseguir normalizar - Ufa! - e quando se chama a atenção, ainda se ouve sussurros: Esse professor é chato.

    Então quer saber de uma coisa: fique à vontade pra desabafar. Afinal, você também é um ser humano! E a educação? Será ela uma obrigação só da escola?    

    Pais, eduquem os seus filhos! O primeiro aprendizado vem de dentro de casa. A escola auxilia, mas ela não consegue substituir o papel pertencente a vocês. Nem ela, nem  a tv, nem a rua, nem a internet, nem os jogos devem tomar um cantinho somente seus na vida dos pequenos. Esse cantinho necessita ser conquistado todos os dias dentro do coração deles e só vocês, ao dialogar com eles, encontrarão a atitude chave para começar. Só assim, ao investir na família, o nosso país muda.

    Quero terminar deixando um  abraço fraterno aos pais, aos professores e a todos aqueles que acreditam na importância de divulgar a educação em nosso país.


Guerreiros da educação, vocês são mais do que vencedores!

12 comentários:

Anônimo disse...

Muito inteligênte a observação.Os professores merecem reconhecimento,pois até o presidente da repúblca dependeu de um professor para chegar onde está.Parabéns para o autor do texto!

Anônimo disse...

Essa é a realidade que vivemos todos os dias dentro da sala de aula, desrespeito e desinteresse dos alunos, e o pior não temos nenhum tipo de suporte.
Os pais transferiram para escola a responsabilidade de educar seus filhos.
O aluno é sempre a vítima e o professor está sempre errado. Até quando? Chegará um dia que não existirá mais professores, mas aí já será tarde demais para tentar fazer algo pela educação.

Anônimo disse...

Acho que os professores são mto importantes, com certeza são eles que influenciam a vida dos alunos, que os ajudam a tomar muitas decisões e que auxiliam na solução de problemas. Infelizmente são pouco valorizados, são pagos com desrespeito e muitas vezes com baixos salários. Tenho certeza que todo mundo já teve um professor que o apoiou em algum momento da vida. Mas por que não mudamos essa realidade

Anônimo disse...

sou professora há 4 anos( em outubro faço 5) e já quero trocar de profissão. Desde março minhas horas foram aumentadas mas só no papel lá da SECRS, pq no minha conta de banco ainda não. Cansei de chamar atenção de alunos, de gritar para ser escutada, de ensinar-lhes como se portar em sala de aula. Cheguei a conclusão que eu não fui contratada pelo estado pra ensinar boas maneiras e discipina aos alunos. Isso cabe aos pais e poiciais militares. Fui contrata para dar aulas de lingua espanhola, e é isso que estou fazendo. no meu tom mde voz normal. quem ouviu, ouviu, quem não ouviu que me chame ou procure na minha mesa, que com todo prazer eu auxilio. Não vale a pena criar calos vocais, perder a voz, se estressar ou se desentender com aluno, pq ele teima em falar bem na hora em que estou explicando.
O pior foi ouvir esses dias um aluno que tirou 9,0 na media final do trimestre e disse em alto e bom som: "puf!Tirar nove em espanhol..prefiro tirar nove em matematica, portugues..."
Eu deveria ou não ganhar bem mais que os meus 680,00 trabalhando em 3 escolas só por ouvir isso??

Alexandre disse...

Professora, humm, ouvir isso deve ter sido bem doloroso !!!Deveria ganhar mais sim ,com certeza!!!Não somente você, mas todos os professores que convivem com a realidade das escolas públicas serem pagos com um salário mais digno. O primeiro passo já foi dado: levar as pessoas a refletirem .Agora ajudem a propagar mais textos como esse que falam sobre a importância da educação e do trabalho do professor nesse contexto.Quem sabe , mesmo com certa dificuldade, ainda conseguiremos do povo uma atitude mais consciente na hora de votar e, assim, começarem a cobrar mais projetos e investimentos na educação por parte dos políticos.Afinal, a população é a maior prejudicada. Enfim, agradeço a todos pelos comentários e indico um vídeo da querida colega Amanda Gurgel para deliciarem e divulgarem. Só digitem no youtube:"depoimento da professora Amanda Gurgel".

Anônimo disse...

Sou professora da rede pública e estou em desespero pelo quadro que tenho enferentado diariamente. Fiquei mto feliz em ler os comentários aqui postados, pois pude perceber que o problema não está comigo, uma vez que era assim que eu me sentia: culpada, incapaz, sem pulso, enfim, moro em uma cidade pequena no interior de Minas Gerais e a situação que encontramos aqui não é diferente dos grandes centros. Sinto-me mto decepcionada e não tenho forças nem para tentar outra profissão; sinceramente, não sei onde iremos parar. Fiquei fã da colega Amanda Gurgel, pois o que estava entalado em minha garganta foi proferido com extrema propriedade por ela.A única coisa que posso fazer hoje é gritar "SOCORRO, alguém olhe pela educação deste país ou continuaremos a ser um país subdesenvolvido, com analfabetos funcionais ou melhor analfabetos com diplomas de conclusão do ensino médio.Um país em que ao assistirmos TV vemos jorrar sangue que sai dos telejornais por falta de educação, por falta de estrutura familiar, por falta de investimentos que favoreçam a população carente, pelo esquecimento dos que estão no poder que apenas chegaram lá, pq um dia, passaram por uma escola e tiveram quem lhes desse as direções de aprendizagem. CHEGA, até qdo vamos implorar por uma reforma educacional, até qdo seremos agredidos física e verbalmente por quem deveria nos respeitar? Até qdo seremos os culpados, sem direito a defesa, explorados e humilhados?

Senhor da Vida disse...

Concordo 100% com seu post, a familia deve assumir a parte que lhe acabe na educação dos seus filhos. Abs!

Cobreando disse...

Que bacana!!! Por incrível que pareça, sou professora no Estado do Rio Grande do norte e estamos em greve há 55 dias. É a mais longa greve de nossa história e a Governadora Rosalba, simplesmente é indiferente a essa situação. Alguém já ouviu falar em na professora Amanda Gurgel? Pois é, sou do mesmos "time". É um descaso imenso com os Educadores e com a Educação Brasileira!
Grande Abraço.

Cantinhu Da Soraia disse...

Boa Noite. Pessoal! Adorei essa enquete.Esse tema. ENQUANTO VOCEIS PROFESSORES PENSAM EM NAO TEMOS RECONHECIMENTO, ESTAMOS CANSADOS QUE O ALUNO NAO APRENDE.
Deveriam cobra do MEC E a supervisão EDUCACIONAL. O que achas que passa na cabeça da criança, do jovem . Que hoje passa o mesmo sofrimento que voceis, corre corre. Estudar no onibus, deixar de almoçar ou dormir p/ estudar. Quem tem casa, tem uma mesa e cadeira. Outros nem cama tem. O esforço é igual a qualquer um que deseja chegar ao seu objetivo. MAS SOMOS NOS ALUNOS, PROFESSORES, PAIS. RESPONSAVEIS PELAS ESCOLAS, ASSISTENTES SOCIAIS,TODOS DA ESCOLA.
POIS NAO FAZEM REUNIAO E UNIAO P/ MELHORAR.
POR QUE TEM ESCOLAS QUE OS ALUNOS, ADORAM PARTICIPAR. POR QUE TODOS FUNCIONAM . TEM ORIENTADORA, TEM PROFESSORES QUE DIVIDEM E CONHECEM SEUS ALUNOS. A PARTICIPAÇÃO DE EVENTOS, FESTAS,CINEMAS, TEATROS, ATIVIDADES MANUAIS, ARTESANAIS E IMPORTANTISSIMO. E PRINCIPALMENTE OUVIR OS ALUNOS. AQUELE QUE E REBELDE FAZER PARTICIPAR DA AULA, APAGANDO A LOUSA, COMEÇANDO UMA LEITURA, INCENTIVANDO O LADO BOM DO ALUNO. MOSTRANDO QUE GOSTAMOS DELE.
COLOCANDO ORIENTADORES MASCULINOS. TEM TANTA CRIANÇA QUE NAO CONVERSA COM OS PAIS. APRESENTAÇAO DE EVENTOS CONTRA DROGAS, VICIOS.
O LEITE , O ALMOCO, O JANTAR.
COMO ISSO E IMPORTANTE P O ALUNO.
A POSTURA DA ORIENTADORA NA ALUNA E NO ALUNO DESALIANDO, COM BAIXA ESTIMA.S PROFESSORES, SAO MARAVILHOSOS.NAO SABEM.. PROFESSOR VC E MARAVILHOSO. ADMINISTRA SUA ATIVIDADE JUNTO COM A ESCOLA. FORMA UMA COMUNIDADE E VERÁ ALEGRIAS IMENSAS.
A MINHA ESCOLA ERA ASSIM. LEMBRO DE TANTAS COISAS MARAVILHOSAS QUE OBTIVE.CREIAM. ISSO E MARAVILHOSO.

Cantinhu Da Soraia disse...

VISUALIZE SUA ESCOLA.
O QUE PRECISAMOS MELHORAR.
PRECISAMOS TER :
PROFESSORES, DIRETORES, SECRETARIAS, RECEPCIONISTA, BIBLIOTECARIO, ORIENTADORA, PISCICOLOGA, PROFESSORES DE ATIVIDADES FISICAS,DENTISTAS. DESENHOS, ATIVIDAS ARTISTICAS, ESTAGIARIOS, MERENDEIROS , AJUDANTES E OS TIOS E TIAS DO PATIO. CRIAR ATIVIDADES ORGANIZACIONAL E CRIAR RENDAS E SUBSISTENCIAS DESSES ALUNOS ,ENSINANDO A SER INDEPENDENTES. AULAS DE CULINARIAS, BISCOITOS, ETC.
AULAS PRATICAS DE INFORMATICAS,DIGITAÇAO, LEITURA, MOSTRAR PARTICIPAÇÃO DA FAMILIA, CAMINHADA, CORRIDA, BICICLETAS, GINCANAS, ETC. TA VENDO.. FALTA CRIARMOS OPORTUNIDADES DE CONHECER MELHOR CADA ALUNO, PROFESSOR E FAMILIA. VERA MUITAS MUDANÇAS. ATIVIDADES DE JOGOS, POR QUE NAO.CREIA..

Alexandre disse...

Gostei do comentário,bom para ser usado em escolas particulares , muito bom seria se toda escola pública fosse assim.Nosso país é rico, tem muitos recursos e seria uma grande potência , se os governantes soubessem utilizá-los.Nem todas as escolas contam com esses recursos, porque na verdade ,nosso governo não investe, não prioriza a educação. Muitas vezes os professores têm de fazer milagres e se virarem com os poucos meios que possuem . Pode ter certeza: são bem poucos mesmos.Tive um aluno que uma vez me disse: Ah vou fazer esse para casa porque chego em casa e eu não tenho nada pra fazer mesmo.Por isso penso: aluno dispõe de tempo e por isso deve estudar mesmo e preencher o período vago com atividades que lhe formem como cidadão. Quanto a nós,amamos dar aula, o stress não é por ensinar e sim ter que lidar com falta de estrutura, mais falta de respeito, de educação dos alunos em sala.Apesar de começar uma união com a sociedade agora através dos voluntários das escolas abertas, as atividades consomem nosso tempo todo:Temos que fazer e corrigir provas , trabalhos, etc,ou seja, não podemos fazer milagres sozinhos . Se depender do governo implementar cursos nas escolas ,será difícil. Não paga o salário devido nem aos professores.Por isso essa greve. O que vi:Os alunos não têm um lugar pra sentar, cadeiras e mesas estão quebradas, o retroprojetor está estragado e não pode ser usado nas aulas.Nosso governo não está nem aí.

Alexandre disse...

Caros colegas, pareço bem pessimista . Verdade. Desisti de ficar esperando pela boa vontadade de nossos governantes.Cansei de ver desvalorizada a educação e os educadores.Não critico a escola onde conseguiram esse investimento por partes dos governantes, inclusive até teria um prazer em conhecê-la.Dou os parabéns aos educadores por conseguirem com esforço bons resultados como esse.Porém, cheguei a ter outra opinião: Se quer alguma coisa seja o primeiro a fazer ela acontecer.Assim surgiu esse blog.A mudança depende mais de nós do que acreditar em algum apoio do governo.Nós quem iremos mudar isso aqui.Um professor sozinho não faz milagre - era o que eu pensava antes . Hoje passei a acreditar no começo do milagre a partir de mim e incentivando os outros colegas.Vamos expandir a educação, vamos fazer mais cursos e nos profissionalizar mais, vamos tentar concursos públicos e usar o saber para melhorar de vida, vamos acreditar na vitória e assim venceremos os maiores desafios, até os que não imaginamos. Pronto, já desabafei!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger